15.11.17

|| Resenha || Isso também é preconceito - Antologia

Preconceito está em toda a parte e às vezes nem nos damos conta disso. Foi partindo dessa premissa que 20 autores se reuniram para abordar o tema em 20 contos diferentes e inusitados. Todos com um único objetivo: te mostrar que preconceito é ruim. 
 Sabemos que a batalha é árdua e que alguns textos podem te chocar ou mesmo fazer com que você se identifique. Tudo bem se isso acontecer. Não se preocupe! Isso não significa que você seja uma pessoa ruim. Significa apenas que você, assim como tantos outros, precisa mudar.E por isso, caro leitor, desejamos a você uma deliciosa leitura e uma dolorosa reflexão.

E-book cedido pela autora  


Olá, cactus! Tudo bom? 

A resenha de hoje será uma antologia, ou seja, uma das coisas que mais amo nesse mundo <3 
Bora resenhar?

Como muitos que já acompanham o blog sabem que eu AMO contos e antologias são minhas favoritas, afinal, são vários contos juntos. A de hoje é sobre um dos assuntos que deveria ser passado, mas ainda é muito presente no cotidiano mundial: Preconceito.

Essa antologia veio para marcar a minha parceria com a autora Luíza Aranha, e nesse primeiro contato com o seu trabalho podemos notar a sua preocupação com assuntos ditos “polêmicos” que deveriam ser assuntos já inexistentes hoje em dia.

resenha preconceito luiza aranha antologia
Conto: Inferno - Marcela Carvalho

O que observamos nesses contos não é apenas uma generalização de preconceito como o racismo, por exemplo, ele engloba diversos tipos de preconceitos desde um homem que se considera certos, mas faz tudo errado a uma menina que sofre por não poder jogar futebol. Conseguimos nos identificar com todos, não por ter necessariamente sofrido, mas por ter visto ou praticado. Uma das partes mais legais do livro é o depoimento de uma das organizadoras no inicio do livro, dizendo que ela percebeu que ela praticava e começou a mudar todo o seu jeito de ser ao notar isso. 

resenha preconceito luiza aranha antologia
Conto: Palavras, meu abrigo - Mariana Dantas 

O mais importante desse livro são as lições que aprendemos e que nos transformam em outras pessoas por conta disso. Por mais livros transformadores como esse que Luíza Aranha nos promoveu juntamente com Gislaine Oliveira e esse time de autores maravilhosos.

E aí, cactus, o que acharam? Já leram algo dela? Já sofreram algum tipo de preconceito?

Comente com o Facebook:

Um comentário:

  1. Obrigada pelo carinho! A gente tentou mostrar com essa antologia que o preconceito muitas vezes está em nós sem percebemos. Pela sua reflexão acho que conseguimos! Bjos

    ResponderExcluir



Feito com ♥ por Lariz Santana